Nota do Espaço Socialista sobre o resultado das eleições de 2018


28 de outubro de 2018

Ainda vamos fazer um balanço do processo eleitoral de conjunto, no entanto, podemos afirmar: a classe trabalhadora terá muita luta pela frente pois, além da crise e dos problemas que já enfrentávamos, a direita elegeu o presidente e governadores nos estados mais importantes.
O Programa político defendido por esses candidatos é o de mais privatização, de retomar a Reforma da Previdência ainda mais dura, de aprofundar as outras reformas já aprovadas e também o de aumentar a repressão sobre os movimentos sociais e os pobres sendo que os órgãos de repressão do Estado estão saindo mais fortalecidos.
Mas, não chegamos ao fim do mundo. A resistência já começou e seguirá firme! Nos últimos dias, batalhões de lutadoras e lutadores foram para as ruas denunciar as propostas e práticas da direita, dialogar e trazer para a luta a classe trabalhadora de conjunto.
Apesar da derrota, em cada estado se firmou um setor importante para sustentar a base de resistência aos governos eleitos. São milhares de ativistas, milhões de pessoas que não se renderam às propostas dessas candidaturas de direita.
Os ataques serão muito duros, mas vai haver resistência da classe trabalhadora que, historicamente, nunca abriu mão pacificamente dos direitos sem lutar. Sempre houve resistência!
Por fim, entendemos ser importante reafirmar a necessidade e a urgência da unidade da esquerda em base a um programa comum, que una todas e todos contra os governos eleitos e seus projetos.